quarta-feira, maio 22, 2024

Entrevista: Livia Simões, vice-presidente da Volkswagen Caminhões e Ônibus

O site corporativo do TRATON Group publicou, recentemente, uma entrevista muito interessante com a brasileira Livia Simões, vice-presidente de Pessoas & Cultura da Volkswagen Caminhões e Ônibus (VWCO). Por mais que seja uma entrevista com filtros da empresa, ela é bastante informativa e documenta os compromissos da empresa com a sociedade na totalidade. Além de ser a fala de importante executiva, a entrevista, ao ser publicada pelo holding que controla a VWCO, Scania, MAN Truck & Bus, Navistar Inc. e RIO, ela passa a ter um valor de compromissos, com bastante informações.

Por isso, o Frota News traduziu a entrevista para que ela tenha repercussão também no Brasil.

Segue a entrevista na íntegra:

Capacitando colegas para liderar a transformação: entrevista com Livia Simões, Volkswagen Truck & Bus

Radicada em São Paulo, Livia Simões é Vice-Presidente de Pessoas & Cultura e Sustentabilidade e Conselheira da Volkswagen Truck & Bus. Desde que ingressou como estudante de engenharia em 2004, Livia trabalhou como engenheira de design de produto, planejadora estratégica para caminhões e ônibus pesados e gerente sênior de Vendas, Marketing e Serviços.

Lívia, você trabalha na Volkswagen Truck & Bus (VWTB) desde 2004, quando começou como estagiária. Durante esse tempo, você trabalhou em vários cargos, inclusive como planejador estratégico para a linha de produtos de ônibus e planejador de produtos para a série de caminhões pesados Meteor. Até que ponto esta carreira multifacetada serviu de base sólida para a sua nova função como Vice-Presidente de Pessoas, Cultura e Sustentabilidade?

Acredito fortemente na importância de ter um conhecimento abrangente do negócio da indústria de transportes, bem como do GRUPO TRATON e da VWTB. Para isso, nada melhor do que adquirir experiência em diferentes áreas, conectar a estratégia do Grupo aos aspectos técnicos, financeiros e comerciais e, o mais importante, conhecer muito bem as pessoas e ter um bom entendimento de suas necessidades. E perspectivas. Isto não se refere apenas aos colegas internos, mas também às partes interessadas do negócio, aos nossos parceiros e aos nossos clientes. Na minha perspectiva, é o fator-chave para o sucesso como líder.

Ambiente de negócios

Estou grato por, ao longo dos anos, ter tido experiências valiosas em áreas e projetos tão variados quanto o nosso ambiente de negócios, onde as pessoas e o trabalho em equipe são apreciados como os maiores ativos e o valor chave para um maior crescimento.

Ao longo da minha carreira, adquiri conhecimento trabalhando com diversas pessoas em todos os níveis hierárquicos. Isso serviu como uma contribuição importante para minha função e responsabilidades atuais. Trabalho em conjunto com minha equipe para traduzir os objetivos de negócio e técnicos na perspectiva de Pessoas & Cultura e Sustentabilidade. Complementamo-nos e esta diversidade proveniente de múltiplas origens é um trunfo poderoso para liderar as mudanças.

Leia também:

Safra Implementos: a nova distribuidora Noma no Sul de Minas

Você tem alguma experiência pessoal específica, talvez tendo trabalhado ou vivido no exterior, que você acha que o impactou e o ajudou a chegar onde está hoje?

Absolutamente! Agradeço muito as oportunidades que tive em minha jornada para trabalhar em projetos internacionais e me desenvolvi tanto profissionalmente quanto pessoalmente. A minha primeira experiência internacional foi em 2011: morei em Munique, na Alemanha, e trabalhei em conjunto com colegas da MAN na engenharia de pré-desenvolvimento do nosso novo projeto de caminhões ligeiros durante seis meses. Posteriormente (a partir de 2014), tive experiências inestimáveis trabalhando com parceiros das marcas TRATON em projetos de cooperação relacionados a plataformas de ônibus e caminhões, vivenciando outras culturas e aprendendo juntos. Muito além da grande rede, construímos relacionamentos baseados no respeito e na confiança.

Atualmente, estou muito satisfeito e honrado por fazer parte da equipe TRATON CHRO (Chief Human Resources Officer), com colegas excepcionais da TRATON, Scania, MAN e Navistar, onde desfrutamos de uma grande parceria. Temos construído juntos uma jornada forte e linda.

A indústria de caminhões é tradicionalmente dominada por homens, então que conselho você daria às mulheres que trabalham em sua área e que desejam um dia se tornar membros do conselho?

Em primeiro lugar, é importante dar o melhor de si todos os dias, trabalhar duro com persistência e resiliência e construir bons relacionamentos. Na minha perspectiva, é necessário manter a fé em si, exercitar o autoconhecimento e estar preparado para as oportunidades que surgirem no seu caminho para que você tenha as melhores chances de sucesso.

Leia também:

Implementos pesados batem recorde de vendas em outubro

Você pode nos contar sobre algum programa da VWTB que promova mulheres jovens e talentosas? Como esses conceitos poderiam ser ampliados ou transferidos para todo o GRUPO TRATON?

O desenvolvimento de pessoas sempre foi uma prioridade máxima na VWTB e na TRATON em termos de habilidades básicas e sociais. Ao longo dos anos, implementamos iniciativas importantes em conjunto com foco na educação. Temos um fluxo de trabalho na TRATON com representantes de todas as marcas com foco em Desenvolvimento de Pessoas, Competência e Aprendizagem para oferecer oportunidades de aprendizagem aos nossos colegas. Por exemplo, a experiência anual de trainee global e os programas executivos. Participei disso como estudante e, posteriormente, como mentor. Trabalhamos com excelentes parceiros da área educacional e instituições renomadas.

Também tenho orgulho de compartilhar uma grande iniciativa que temos desenvolvido na VWTB nos últimos meses e foi lançada recentemente: a Academia VWTB! Nosso ecossistema de aprendizagem para todos os colaboradores da VWTB, cujo objetivo é proporcionar experiências educacionais de qualidade e oportunidades de aprendizagem para desenvolver nossa gente em novas competências de alta relevância para o nosso negócio, garantindo o conhecimento organizacional por meio de um processo de aprendizagem ativo e contínuo.

Novas competências

A escassez de competências é um desafio global. Neste contexto, temos trabalhado na análise de novas competências, bem como no âmbito de aprendizagem necessário, incluindo tecnologias inovadoras, para desenvolver as nossas pessoas e capacitá-las para liderar as transformações no nosso ambiente de negócios, como a eletrificação, a digitalização, e desenvolvimento de software. É crucial garantir a nossa competitividade.

Acredito que as oportunidades de desenvolvimento mais importantes para todos os colaboradores da nossa empresa, tanto homens como mulheres, residem no nosso negócio diário principal, quando os gestores apoiam, preparam e capacitam as suas equipas para enfrentar novos desafios. Este é o fator crítico para o nosso sucesso e uma forma significativa de garantir que todos desenvolvam as suas competências. Nosso objetivo a partir de 2023 é fortalecer essas iniciativas e, principalmente, ampliar nosso portfólio de programas educacionais e abranger mais pessoas em todos os níveis hierárquicos.

Leia mais:

AMAGGI anuncia compra de 350 caminhões Scania, sendo 100 movidos a Biodiesel 100%

A VWTB tem feito avanços no desenvolvimento de veículos elétricos. Você pode compartilhar alguns dos desafios e avanços que a empresa experimentou durante esta transição para soluções de transporte mais limpas e sustentáveis?

Na VWTB, passámos o último ano a renovar o nosso portfólio para garantir que, a partir de janeiro de 2023, cumpre as normas Euro VI. Este foi um projeto chave: os nossos investimentos foram orientados para os últimos desenvolvimentos e envolveram todas as áreas da nossa organização para podermos ter um impacto ambiental muito positivo.

Paralelamente, trabalhamos em nosso primeiro veículo elétrico, o caminhão e-Delivery, lançado em meados de 2021. Este foi um marco importante não apenas para a VWTB, mas também para a TRATON, porque este veículo foi desenvolvido e produzido 100% no Brasil. , com engenheiros brasileiros, em plantas de produção brasileiras. Também trabalhamos com parceiros locais e internacionais em soluções de estrutura de cobrança e serviços conectados, com foco no ciclo de vida do veículo. Este foi um projeto muito especial para todos os que trabalham na nossa organização – desde a I&D até à produção – que estiveram profundamente envolvidos nestes desenvolvimentos.

Mais notícias:

Grupo Sipal é o novo distribuidor Noma do Brasil no Mato Grosso

Como membro do conselho, como você colabora com outras partes interessadas para alinhar as iniciativas de sustentabilidade com a visão e os objetivos de longo prazo da empresa?

Para melhorar a estratégia e a governação da nossa empresa a longo prazo, temos prioridades máximas para a sustentabilidade, com grande foco não só no plano de descarbonização e circularidade, mas também nas áreas da ética, direitos humanos, responsabilidade social, diversidade e inclusão.

Na VWTB, temos trabalhado juntos numa estratégia de sustentabilidade e metas de descarbonização em todas as áreas da nossa organização, contando com uma grande parceria e apoio da TRATON. Este ano publicamos nosso primeiro relatório de sustentabilidade, demonstrando nosso compromisso com a sociedade como empresa responsável e nossa dedicação aos temas ESG. Isto baseia-se na nossa forte herança em relação às nossas responsabilidades sociais e corporativas e aos objetivos ambientais, bem como na importância da governança e da ética nas nossas operações.

Diversidade

Que estratégias específicas a VWTB adotou para aumentar a diversidade e a inclusão na organização e que resultados estes esforços produziram até agora?

A diversidade e a inclusão eram prioridades no VWTB mesmo antes de surgirem como parte de uma abordagem estratégica oficial a nível do Grupo. Visamos a diversidade em todos os aspectos. Com base nisso, implementamos programas nos últimos anos para abraçá-la, como a criação de grupos de afinidade e oportunidades especiais para pessoas com deficiência. Isso nos deu a oportunidade de trabalhar com muitas pessoas excelentes. Elas tiveram a chance de construir suas carreiras e mudar suas vidas e as de suas famílias.

Também desenvolvemos metas relacionadas às mulheres na VWTB. Isso a fim de que sua presença possa aumentar em todas as áreas da nossa organização e em cargos de gestão. Na minha perspectiva e na dos meus colegas membros do conselho, é importante perguntar como podemos preparar as mulheres na nossa empresa e dar-lhes oportunidades de sucesso. Embora ainda haja trabalho a fazer, tenho orgulho do quanto evoluímos desde que comecei aqui como estudante de engenharia em 2004. No início da minha carreira, eu era a única mulher da minha equipe.

Saiba mais:

3ª Expedição do SETLOG-MS: RILA 2023 conectando MS aos portos chilenos

Nos últimos anos, a importância da marca do empregador cresceu significativamente. Como a VWTB se posiciona como empregador preferencial, especialmente no competitivo mercado de talentos sul-americano?

Na VWTB, a nossa principal prioridade é cuidar das nossas pessoas. Ao longo dos anos, fizemos melhorias contínuas neste aspecto porque a nossa gestão de topo está genuinamente comprometida com isto. Desenvolvemos iniciativas positivas não só para os colaboradores da VWTB, mas também para abraçar as suas famílias e as comunidades próximas de nós.

Construímos diariamente o clima da nossa organização através da valorização das pessoas e da observação do que realmente é valioso para os nossos colegas.

Dentro das nossas principais experiências, posso destacar a integração das famílias. Abrir as portas do VWTB para receber os familiares dos nossos colaboradores. Além disso, o reconhecimento cada vez mais entes para apreciar as melhores práticas em nossa organização.

Preparamos algumas campanhas excelentes relacionadas à saúde mental e prevenção do esgotamento. Isso ajuda a gerar um sentimento de pertencimento à nossa empresa e à nossa sociedade. Os nossos colegas estão muito orgulhosos e motivados para apoiar a comunidade local e conduzimos diversas iniciativas de voluntariado. Faz a diferença e nos une, nos tornamos uma grande família. Temos muito orgulho de sermos considerados a melhor empresa para se trabalhar no estado do Rio de Janeiro. Por fim, estar entre as sete melhores do Brasil.

Nos siga no LinkedIn!

Marcos Villela Hochreiter
Marcos Villela Hochreiterhttps://www.frotanews.com.br
Sou jornalista no setor da mobilidade desde 1988, com atuações em jornais, nas áreas de comunicação da Fiat e da TV Globo, como editor da revista Transporte Mundial entre 2002 e maio de 2023, e com experiência em cobertura na área de transporte no Brasil e em cerca de 30 países. Representante do Brasil como membro associado do ITOY (International Truck of the Year), para troca de experiências e conteúdos jornalísticos. Mais, recente começou como colaborador do corpo docente na Fabet (entidade educacional sem fins lucrativos).
- Publicidade -
Últimas notícias
você pode gostar:

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui