domingo, maio 19, 2024

A VOLVO JÁ VENDEU 72.244 CAMINHÕES NO MUNDO EM 2023, SENDO 9.011 NO BRASIL

O Volvo Group anunciou um notável crescimento em suas entregas de 125.373 novos caminhões durante o primeiro semestre de 2023, considerando todas as marcas. Somente a marca Volvo vendeu 72.244 unidades

  • Volume por marca, total, Brasil, América do Sul Europa, Ásia, África/Oceania e Estados Unidos
  • Com metade das vendas de elétricos na Europa e volume total
  • Perspectiva para o restante de 2023 na visão da Volvo Trucks

Com um aumento de oito por cento em relação ao mesmo período do ano anterior, foram entregues um total de 125.373  unidades, impulsionando a presença da empresa no mercado. O destaque no primeiro semestre ficou por conta da participação de 50,7% das vendas de caminhões elétricos.

Nos siga no LinkedIn!

Ao analisar as entregas por marca, a Volvo Trucks liderou o grupo, respondendo por 72.244 unidades, seguida pela Renault Trucks com 36.660 unidades, pela Mack com 15,918 unidades e 551 por outras marcas. Por região, a Volvo Caminhões Brasil contribuiu com 9.011 unidades, ou 24,68%, praticamente o quarto do total da marca.

Por regiões, o Brasil contribuiu com 9.011 do total de 9.860 unidades na América do Sul. O maior volume foi comercializado na Europa (66.019 caminhões, incluindo todas as marcas), seguido da América do Norte (31.971), Ásia (11.644) e África/Oceania (5.879).  

8 DICAS DA VOLVO TRUCKS PARA EVITAR PARADAS NÃO PREVISTAS NA OFICINA

Caminhões elétricos

Um dos destaques da conquista do Grupo Volvo é a sua posição dominante na entrega de caminhões pesados eletrificados na Europa. A Volvo Trucks conseguiu uma impressionante participação de 50,7% nesse segmento, enquanto a Renault Trucks também apresentou um desempenho sólido, com 18% do mercado.

Volvo vendeu

Faturamento

O faturamento do Grupo Volvo aumentou em 18%, alcançando ao equivalente a R$ 63,3 bilhões, e o lucro operacional ajustado atingiu a marca de 3,6 bilhões.

Embora a participação de mercado da Volvo Trucks na Europa tenha apresentado uma pequena queda, caindo pouco mais de um por cento para 17,9% de participação, a marca permanece com posição forte no segmento de caminhões pesados.

Nos mercados da América do Norte, a Volvo registrou uma participação de 9,2% e a Mack 5,9% durante o mesmo período. Embora haja uma diminuição em relação ao ano anterior, ambas as marcas continuam firmes em suas posições no mercado norte-americano.

No âmbito das soluções de mobilidade sustentável, a Volvo Trucks entregou um total de 687 caminhões eletrificados nos primeiros seis meses do ano e mais de 5.000 unidades deste o início das vendas.

Perspectiva para o final do ano

Certamente, com base no desempenho, a Volvo aumentou suas previsões para o mercado total de caminhões pesados na Europa e na América do Norte. Ademais, a espera-se um crescimento de dez por cento na Europa, atingindo 330.000 unidades, e, na América do Norte, a expectativa é alcançar a marca de 330.000 unidades.

Enfim, a Volvo continua a se destacar no mercado de caminhões pesados, impulsionando sua inovação, eficiência e compromisso com a sustentabilidade. Por fim, com a crescente demanda por soluções de transporte ecologicamente corretas, a empresa está bem posicionada para liderar o futuro da indústria automotiva.

Marcos Villela Hochreiter
Marcos Villela Hochreiterhttps://www.frotanews.com.br
Sou jornalista no setor da mobilidade desde 1988, com atuações em jornais, nas áreas de comunicação da Fiat e da TV Globo, como editor da revista Transporte Mundial entre 2002 e maio de 2023, e com experiência em cobertura na área de transporte no Brasil e em cerca de 30 países. Representante do Brasil como membro associado do ITOY (International Truck of the Year), para troca de experiências e conteúdos jornalísticos. Mais, recente começou como colaborador do corpo docente na Fabet (entidade educacional sem fins lucrativos).
- Publicidade -
Últimas notícias
você pode gostar:

2 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui