quarta-feira, maio 22, 2024

A DB SCHENKER AMPLIA ADOÇÃO DE ELÉTRICOS E INCLUI BRASIL NO PLANO

Como um dos maiores operadores globais de logística, a DB Schenker avança no seu plano de substituição dos caminhões a diesel por elétricos na última milha. O plano de eletromobilidade da empresa chega ao Brasil.

  • Elétrico Volta Zero de 16 toneladas de PBT em teste para uso em larga escala
  • Aquisição do Scania 25 P
  • Os elétricos adotados Brasil
  • Vídeo curto sobre os 150 anos de história da DB Schenker

Para enfrentar essa questão, a DB Schenker se uniu à Volta Trucks, sediada em Estocolmo, e realizou o maior pedido de caminhões elétricos da Europa.

O Volta Zero totalmente elétrico, com capacidade de 16 toneladas, está atualmente em fase de testes e será utilizado nos terminais europeus da DB Schenker para transportar mercadorias dos centros de distribuição para os centros das cidades e áreas urbanas.

Trata-se de um primeiro veículo projetado especificamente para logística urbana, reduzindo significativamente o impacto ambiental das entregas de carga nos centros urbanos. Projetado desde o início com uma autonomia puramente elétrica de 150 a 200 quilômetros.

Saiba mais:

A segurança também é uma prioridade para a Volta Trucks, e o Volta Zero foi projetado não apenas para ser totalmente elétrico, mas também para ser o veículo comercial mais seguro nas estradas.

Sem um motor de combustão interna, o motorista fica em uma posição central de direção, com uma altura de assento muito mais baixa do que em um caminhão convencional. Essa configuração, combinada com o design da cabine em formato de estufa, oferece ao motorista um campo de visão panorâmico de 220 graus, minimizando os pontos cegos perigosos e protegendo os usuários vulneráveis das vias públicas.

Embora haja ainda muitos desafios a serem superados no caminho para a neutralidade de carbono, a parceria em grande escala com a Volta Trucks permite à DB Schenker acelerar significativamente a eletrificação de sua frota.

Nos siga no LinkedIn!

Semipesado Scania 25 L

A empresa adquiriu quatro caminhões Scania, incluindo dois caminhões totalmente elétricos de 25 toneladas e dois híbridos Scania PHEV, que possuem motores a diesel e elétricos trabalhando em conjunto.

“Já operamos com veículos elétricos em toda a Suécia e sabemos como funciona. Agora estamos dando o próximo passo e investindo na distribuição eletrificada em uma região inteira, para fazer uma diferença real. Além disso, adquirimos um conhecimento valioso sobre operações eletrificadas, tanto em áreas urbanas com muitas paradas e partidas quanto em áreas rurais com distâncias superiores a 300 quilômetros”, diz Viktor Strömblad, vice-presidente da DB Schenker.

“O que a DB Schenker está fazendo em Gotland, com uma solução de transporte livre de combustíveis fósseis. Ela nos ensina muito sobre os desafios e possibilidades que surgem quando um centro de distribuição inteiro é eletrificado. Além disso, no futuro, observamos o mesmo potencial para a frota internacional de caminhões da DB Schenker”, diz Evalena Falck, vice-presidente da Scania Group.

No Brasil

A DB Schenker Brasil está introduzindo quatro caminhões elétricos em suas operações em São Paulo e no Rio de Janeiro. Além disso, essa iniciativa se destaca por promover a igualdade de gênero, designando motoristas mulheres para operar esses veículos.

Diferentemente das soluções na Europa, o caminhão adotado no Brasil é um modelo leve, alto, importado da China e com capacidade de carga útil em torno dos 3.000 kg. A razão disso é a falta, por enquanto, de opções desenvolvidas exclusivamente para a atividade de logística urbana.

Ex-executivos da Marcopolo criaram a startup Arrow Mobility no Brasil, com fábrica em Caxias do Sul (RS). Decerto, ela está desenvolvendo um inovador veículo 100% elétrico tanto para o transporte de carga quanto de passageiros. Assim, ele, substitui somente a plataforma de carregamento do compartimento traseiro. Ou seja, o mesmo veículo pode funcionar como furgão ou van, porém, ainda não há notícias sobre a adoção do modelo por transportadores no país.

Sobre a DB Schenker

“A sustentabilidade é um pilar fundamental para a DB Schenker, no Brasil e no mundo. Estamos orgulhosos de introduzir caminhões elétricos em nossas operações e, especialmente, de ter motoristas mulheres operando esses veículos. Certamente, queremos ser agentes de mudança no setor, impulsionando a transição para uma logística mais sustentável e igualitária”, explica Luís Marques, CEO da DB Schenker Brasil.

Gottfried Schenker fundou a Schenker & Co. em 1872, em Viana, na Áustria. Então, a Deutsche Bahn comprou a transportadora após diversas expansões pelo mundo em 2002, consolidando a operação multimodal em escala global como DB Schenker. Por fim, no Brasil, a empresa conta com filiais em São Paulo, Campinas, no Rio de Janeiro, Curitiba e Itajaí.

Leia também: POR QUE ANUNCIAR NO FROTA NEWS?

Marcos Villela Hochreiter
Marcos Villela Hochreiterhttps://www.frotanews.com.br
Sou jornalista no setor da mobilidade desde 1988, com atuações em jornais, nas áreas de comunicação da Fiat e da TV Globo, como editor da revista Transporte Mundial entre 2002 e maio de 2023, e com experiência em cobertura na área de transporte no Brasil e em cerca de 30 países. Representante do Brasil como membro associado do ITOY (International Truck of the Year), para troca de experiências e conteúdos jornalísticos. Mais, recente começou como colaborador do corpo docente na Fabet (entidade educacional sem fins lucrativos).
- Publicidade -
Últimas notícias
você pode gostar:

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui