domingo, maio 19, 2024

Volvo e Renault vão lançar marca de vans elétricas + outras notícias

Os grupos Volvo e Renault obtiveram todas as aprovações regulatórias necessárias e lançaram oficialmente a nova empresa Flexis SAS. Essa empreitada visa a próxima geração de veículos comerciais leves totalmente elétricos.

Gestão Estratégica de Transporte
Treinamento para gestão de frota eficiente
Aqui estão alguns dos principais planos da Flexis SAS:
  1. Desenvolvimento de Veículos Elétricos Inovadores: A Flexis SAS terá o objetivo de projetar e fabricar veículos elétricos de alta qualidade, com foco na eficiência energética, segurança e experiência do usuário. Esses carros serão equipados com tecnologia e recursos personalizáveis.
  2. Integração de Software e Hardware: A empresa planeja criar uma sinergia entre o software e o hardware dos veículos. Isso significa que os carros da Flexis SAS serão altamente adaptáveis e atualizáveis por meio de atualizações remotas de software.
  3. Expansão Global: A Flexis SAS planeja expandir sua presença globalmente. Combinando as redes de distribuição e experiência da Volvo e da Renault, eles pretendem atingir consumidores em diferentes partes do mundo.
  4. Sustentabilidade: A empresa se comprometeu em reduzir a pegada de carbono e promover a mobilidade sustentável.
  5. Parcerias Estratégicas: Além da colaboração entre a Volvo e a Renault, a Flexis SAS também buscará parcerias com outras empresas, instituições de pesquisa e fornecedores de tecnologia. Essas alianças estratégicas impulsionarão a inovação e o desenvolvimento contínuo.

A relação entre o Grupo Volvo e o Grupo Renault é de longa data. Em 2021, a fabricante de caminhões sueca comprou a divisão de caminhões da marca francesa. A Renault conta com muita experiência na fabricação de veículos comerciais leves, já para a Volvo, será acréscimo de experiência.

Leia também:

Série Especial Night Edition marca os 5 anos da Geração Titanium de implementos rodoviários da Noma do Brasil

Volvo inaugura primeira concessionária do Brasil com selo LEED

A Volvo deu um passo significativo na direção da sustentabilidade ao inaugurar a primeira concessionária de caminhões do Brasil a cumprir com os exigentes padrões LEED (Leadership in Energy and Environmental Design), situada em Ourinhos, no interior de São Paulo.

Denominada Lapônia Ourinhos, esta nova instalação se destaca por suas práticas ambientais inovadoras, incluindo o uso de energia renovável, o reaproveitamento da água da chuva e a utilização de materiais que promovem o conforto térmico, visando a redução da dependência de sistemas de ar-condicionado.

Além das tecnologias verdes incorporadas, a nova concessionária oferece uma estrutura ampla e moderna. Ademais, foi projetada para atender às necessidades dos transportadores com eficiência e conforto.

“A Volvo está totalmente comprometida com a sustentabilidade. Por certo, nossa visão contempla pessoas, clima e recursos, rumo a soluções 100% mais seguras, mais produtivas e livres de CO₂. Certamente, esse conceito se estende também aos projetos de nossas concessionárias, cada vez mais sustentáveis”, afirma Alcides Cavalcanti, diretor executivo da Volvo Caminhões.

A nova Volvo em Ourinhos tem 15 mil m², sendo 4 mil m² de área construída. “É uma estrutura muito melhor, a fim de oferecer conforto e segurança para os transportadores. Nossa expectativa é de que haja aumento de mais de 50% nas passagens pela unidade”, assegura Mônica Beckert diretora-geral do Grupo Lapônia. Nas antigas instalações passavam de 400 a 500 caminhões por mês.

Maior frota de caminhões elétricos

A Volvo Trucks recebeu um pedido de mais 100 caminhões elétricos da DFDS, a maior operadora logística do norte da Europa. Dessa forma, eleva a frota de elétricos da DFDS para 225 veículos — a maior frota de caminhões pesados elétricos da Europa.

Esse pedido reforça o compromisso da DFDS com a sustentabilidade, a fim de responder à crescente demanda por soluções de transporte com menor impacto ambiental. A expansão da frota elétrica já resultou em uma redução significativa das emissões de gases de efeito estufa. Certamente, com uma diminuição de 1.516 toneladas em 2023.

Os novos caminhões, que incluem os modelos Volvo FH Electric e Volvo FM Electric, serão distribuídos por toda a Europa. A DFDS visa ter 25% de sua frota totalmente eletrificada até 2030, enquanto a Volvo Trucks, fornecedora dos veículos, já oferece a mais ampla gama de produtos elétricos do setor na Europa, comercializando caminhões elétricos em 45 países em seis continentes desde 2019.

Nos siga no LinkedIn!

Marcos Villela Hochreiter
Marcos Villela Hochreiterhttps://www.frotanews.com.br
Sou jornalista no setor da mobilidade desde 1988, com atuações em jornais, nas áreas de comunicação da Fiat e da TV Globo, como editor da revista Transporte Mundial entre 2002 e maio de 2023, e com experiência em cobertura na área de transporte no Brasil e em cerca de 30 países. Representante do Brasil como membro associado do ITOY (International Truck of the Year), para troca de experiências e conteúdos jornalísticos. Mais, recente começou como colaborador do corpo docente na Fabet (entidade educacional sem fins lucrativos).
- Publicidade -
Últimas notícias
você pode gostar:

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui