sábado, maio 25, 2024

TRATON Group atinge recorde de vendas e inicia ano com carteira de pedidos forte

O TRATON Group, uma das líderes globais no setor de veículos comerciais, estabeleceu um novo recorde de vendas no ano de 2023, alcançando a marca de 338.200 veículos comerciais vendidos, superando o total de 305.500 unidades vendidas em 2022. Este aumento de 11% nas vendas é um marco significativo para o grupo.

O segmento de caminhões do grupo apresentou um crescimento de 11% em 2023, com vendas chegando a 281.300 unidades, comparado a 254.300 no ano anterior. As vendas das unidades de ônibus também registraram aumento, subindo 2% para 30.300 veículos. A marca MAN TGE (vans e furgões) destacou-se com um crescimento de 23% em suas vendas, alcançando 26.600 unidades.

Perspectivas para 2024

Apesar do sucesso nas vendas, o TRATON Group viu uma redução de 21% nos pedidos recebidos em 2023, totalizando 264.800 veículos. Esse declínio reflete a normalização da demanda após períodos atípicos devido à pandemia de COVID-19 e a guerra na Ucrânia. A incerteza econômica e um ambiente de financiamento mais desafiador também influenciaram essa redução. O grupo espera, contudo, reduzir os prazos de entrega em 2024.

Desempenho por marcas

Antes é bom lembrar que as marcas do grupo no Brasil vão apresentar resultados negativos, pois isso ocorre em todos os anos que há mudança da legislação de restrições de emissões. Em 1º de janeiro de 2023 entrou em vigor da fase Proconve P8, mais rígida do que o Euro 6.

recorde de vendas
Fonte: TRATON Group

Scania

A Scania teve um aumento de 14% nas vendas de unidades, alcançando 96.700 veículos. Seus pedidos recebidos também cresceram, chegando a 84.100 veículos. A contribuição da Scania Brasil foi com 11.619 caminhões em 2023, menos 12% em relação a 2022. No segmento de ônibus foram emplacados 462 ônibus, 62,7% a mais do que no anterior.

VWCO

Volkswagen Caminhões e Ônibus teve queda em 31%, totalizando 37.200 veículos, impactadas pelo novo regulamento de emissões, incluindo as exportações de caminhões e ônibus. No Brasil, o emplacamento de caminhões da marca foi de 27.018 unidades, com queda de 21,7%. No segmento de ônibus, a queda foi menor. Em 2023 foram licenciados 4.490 unidades, apenas −3,9% em relação a 2022.

MAN

MAN Truck & Bus mostrou um crescimento de 37% nas vendas totais de unidades, totalizando 116.000 veículos. As vendas de caminhões, sobretudo, tiveram um aumento de 44%.

 Navistar Corporation (International Caminhões e IC Bus)

O TRATON Group concluiu a aquisição da Navistar recentemente para conseguir entrar no mercado norte-americano, um desafio, pois os grupos europeus Volvo e Daimler já estavam presentes nos Estados Unidos há anos. Os EUA são o quarto maior produtor de caminhões e ônibus, segundo a OICA (entidade internacional que representa a indústria automotiva), com 320.407 caminhões e ônibus produzidos em 2022 (os dados de 2023 ainda não foram consolidados). Na frente dos EUA estão: China (1.249.268 em 2022, mas já chegou a produzir 2.976.459 em 2020), seguido do Japão (512.809) e Índia (327.369).

Portanto, o TRATON Group não poderia ficar fora desses mercados. A Navistar, com suas duas marcas, registrou um aumento de 9% nas vendas unitárias, com um total de 88.900 veículos vendidos.

Declarações e perspectivas do CEO

Christian Levin, CEO do TRATON Group, expressou otimismo para 2024, enfatizando a capacidade do grupo de estabilizar e aumentar a produção. Dessa forma, reduzindo a carteira de pedidos e proporcionando tempos de entrega mais curtos. A demanda na Europa, por fim, está retornando ao normal, e as carteiras de pedidos estão bem posicionadas para sustentar o grupo até o segundo semestre de 2024.

Nos siga no LinkedIn!

Marcos Villela Hochreiter
Marcos Villela Hochreiterhttps://www.frotanews.com.br
Sou jornalista no setor da mobilidade desde 1988, com atuações em jornais, nas áreas de comunicação da Fiat e da TV Globo, como editor da revista Transporte Mundial entre 2002 e maio de 2023, e com experiência em cobertura na área de transporte no Brasil e em cerca de 30 países. Representante do Brasil como membro associado do ITOY (International Truck of the Year), para troca de experiências e conteúdos jornalísticos. Mais, recente começou como colaborador do corpo docente na Fabet (entidade educacional sem fins lucrativos).
- Publicidade -
Últimas notícias
você pode gostar:

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui