sábado, maio 25, 2024

SPTrans aprova Marcopolo Attivi Integral para o transporte público em São Paulo

A Marcopolo anunciou que seu ônibus elétrico, o Attivi Integral, foi aprovado SPTransp (São Paulo Transporte S/A) para operar nas ruas da capital paulista neste mês de dezembro. A multinacional brasileira, que recentemente investiu R$ 50 milhões na produção do veículo em sua planta em São Mateus, Espírito Santo, tem como meta comercializar 400 unidades do Attivi Integral em São Paulo no próximo ano.

O Attivi Integral destaca-se por ter chassi e carroceria próprios, configurados para atender às condições específicas do transporte público em São Paulo sob responsabilidade da SPTransp. Para contribuir para a descarbonização e promover a eletromobilidade.

Ricardo Portolan, diretor de Operações Comerciais, Mercado Interno e Marketing da Marcopolo, enfatiza. “Estamos prontos para suprir às necessidades do transporte coletivo eletrificado administrado pela SPTransp. O Attivi Integral é uma solução que conta com a tradição e a confiança de uma marca que está no mercado há mais de 70 anos.”

Após a aprovação pela SPTrans, a Marcopolo iniciará a fase de demonstrações do modelo para as operadoras de ônibus da capital paulista. A produção dos veículos começará conforme a demanda das empresas locais.

Infraestrutura para recarga das baterias

Para isso, as empresas de transporte de passageiros deverão investir também em infraestrutura de transmissão da energia elétrica da fonte produtora da energia para até as garagens onde vão ficar os carregadores dos ônibus. Essa infraestrutura precisa ser independente da rede da concessionária pública frágil da Enel, que já tem enfrentado problemas para abastecer as residência e o comércio de São Paulo.

O Attivi Integral passou por rigorosos testes de desempenho na cidade de São Paulo. Por certo, incluindo subidas íngremes. Além disso, aceleração e frenagem de emergência, análises do sistema de direção, raio de giro e testes de autonomia em diversas condições. Ademais, com destaque para temperaturas severas. Durante os testes, o sistema de ar-condicionado também foi avaliado e apresentou excelente desempenho, proporcionando conforto aos passageiros e motorista.

Portolan ressalta. “O Attivi conquistou excelente resultado na avaliação dos requisitos técnicos e está pronto para circular nas ruas da capital paulista.”

O Attivi Integral tem capacidade para até 80 passageiros. Além disso, autonomia de até 250 km. O tempo de carga é de até 4 horas, dependendo da qualidade do carregador e da infraestrutura da rede de transmissão de energia.

Seu motor de tração central possui potência de 385 kW e torque de 2.800 Nm. Além disso, o veículo conta com um sistema de freio regenerativo, contribuindo para a eficiência energética ao recarregar a bateria durante o trajeto.

Para mais informações sobre o Attivi Integral, leia o artigo abaixo:

Conheça tecnicamente o ônibus 100% elétrico Marcopolo Attivi Integral

Nos siga no LinkedIn!

- Publicidade -
Últimas notícias
você pode gostar:

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui