domingo, maio 19, 2024

Inovação: o caminho das mineradoras com a Cummins, Komatsu e Goodyear

Inovação e sustentabilidade: o caminho das mineradoras com a Cummins, Komatsu e Goodyear:

  1. O que a Cummins está propondo três pilares para frotas de mineradoras: motores menos poluentes, uso do biocombustível HVO e microrredes de energia
  2. Em North Hauler Joint Stock Co., Ltd., a Cummins começa a testar caminhão híbrido com 220 toneladas de capacidade de carga útil
  3. 700º caminhão autônomo de mineração da Komatsu é entregue em mina na América do Sul
  4. Novo pneu Goodyear para tratores de rodas

A indústria de mineração, tradicionalmente vista como um dos pilares mais resistentes da economia global, está diante de um momento decisivo. Com o aumento da conscientização ambiental e a urgência na luta contra as mudanças climáticas, mineradoras em todo o mundo estão se comprometendo com metas ambiciosas para reduzir drasticamente as emissões de gases de efeito estufa até 2030.

Antes, vale esclarecer, que estamos falando de veículos de frotas de mineradoras, e não sobre outras questões ambientais, como o trágico acidente com o rompimento previsível da Barragem de Brumadinho–MG em 25 de setembro de 2019, que vitimou 272 pessoas. A Vale e a Tüv Tüd, esta empresa alemã que certificou a segurança da barragem, estão respondendo civil e pelo criminalmente ocorrido na Justiça Brasileira.

O objetivo aqui é mostrar as mudanças com relação às frotas de caminhões amarelos e máquinas pesadas. Neste cenário desafiador exige a adoção de novas tecnologias e parcerias estratégicas para transformar operações há muito estabelecidas em exemplos de sustentabilidade e inovação. Nesse contexto, a Cummins Inc. emerge como um farol de esperança e um parceiro confiável para mineradoras comprometidas em reduzir sua pegada de carbono e avançar rumo a operações mais verdes.

Leia também: tecnologia com hidrogênio em teste também em frotas de mineradoras

Green Fuel: a tecnologia brasileira com hidrogênio para veículos comerciais

Para auxiliar as mineradoras a atingirem suas metas de sustentabilidade, a Cummins delineou três caminhos imediatos que podem ser seguidos hoje:

Um dos pilares dessa transformação é a adoção de motores Cummins Tier 4, que representam um avanço significativo na redução de emissões. Comparados aos motores produzidos antes de 2000, os motores Cummins usados em aplicações de mineração hoje emitem 90% menos gases nocivos. Essa melhoria não apenas atesta o compromisso da Cummins com a gestão ambiental, mas também oferece benefícios tangíveis para os mineradores, como maior economia de combustível e redução do ruído operacional. A atualização para motores Tier 4 pode ser realizada tanto pela aquisição de novos equipamentos quanto por meio de reformas de motores existentes, assegurando que soluções de curto prazo também contribuam para objetivos de longo prazo.

Utilização de combustíveis mais limpos

A Cummins também destaca a importância de transitar para combustíveis mais limpos, como o óleo vegetal hidrotratado (HVO). Este combustível alternativo pode reduzir as emissões líquidas de gases de efeito estufa do poço às rodas em até 90%, dependendo da matéria-prima e do processo utilizado. Essa mudança representa uma oportunidade significativa para as mineradoras reduzirem ainda mais suas emissões, sem comprometer a eficácia operacional.

Energia verde

Finalmente, as microrredes surgem como uma solução inovadora para atender às demandas energéticas de operações de mineração de maneira sustentável. Capazes de operar de forma independente ou em conjunto com a rede tradicional, essas redes podem integrar fontes de energia renovável, como solar e eólica, para alimentar todas as necessidades da mina, desde o processamento de minério até a infraestrutura de carregamento para veículos elétricos. A adoção de microrredes não só contribui para a redução das emissões, mas também oferece uma maior resiliência e eficiência energética.

Caminhão híbrido de 220 toneladas de carga útil

caminho das mineradoras
O caminhão de mineração híbrido a diesel, o NHL NTH260

A Cummins Inc. firmou uma parceria com a North Hauler Joint Stock Co., Ltd. (NHL), fabricante líder de caminhões de mineração da China, para lançar um caminhão de mineração híbrido a diesel, o NHL NTH260. Com capacidade de carga útil de 220 toneladas, o NTH260 destaca-se pela sua eficiência e sustentabilidade, prometendo reduzir significativamente as emissões de gases de efeito estufa e melhorar a eficiência do combustível. O veículo, que saiu da linha de produção em janeiro, será submetido a teste de campo na mina de ferro Baiyun do Grupo Baogang, na China.

700º caminhão autônomo da Komatsu

A Komatsu, recentemente, atingiu a marca com 700 caminhões autônomos em operação em todo o mundo. Isso, utilizando seu sistema FrontRunner. Dentre esses, 100 são do modelo 980E-AT, que estão entre os maiores caminhões basculantes de ultraclasse do planeta, capazes de transportar 400 toneladas cada. Este avanço tecnológico foi celebrado com a implementação do 700º caminhão AHS (Sistema Autônomo de Transporte) na mina de cobre Lomas Bayas da Glencore, no Chile. Dessa forma, marcando a expansão contínua e o sucesso da tecnologia de transporte autônomo da Komatsu desde o primeiro teste AHS em 2005 e a implementação comercial em 2008. Até o momento, a Komatsu implementou seus caminhões autônomos em 23 minas espalhadas por cinco países, o Brasil entre eles. No total, está transportando mais de 7,5 bilhões de toneladas métricas de materiais.

A inovação na operação de mineração não só promoveu uma melhoria significativa na segurança das operações e das pessoas envolvidas, como também trouxe benefícios ambientais substanciais, como o prolongamento da vida útil dos equipamentos e a redução das emissões de gases de efeito estufa. Além disso, a automatização proporcionou um aumento de produtividade de até 15%, ao reduzir a frequência de interrupções para manutenção ou trocas de turno, e diminuiu os custos com carregamento e transporte de materiais em até 15%.

Novo pneu Goodyear para tratores de rodas

o caminho das mineradoras
Pneu RL-5K Off-the-Road (OTR)

A Goodyear anunciou o lançamento do pneu RL-5K Off-the-Road (OTR) de três estrelas, especificamente projetado para carregadeiras de rodas grandes e tratores de rodas.

Este novo modelo no tamanho 45/65R45 representa a última inovação da Goodyear em pneus radiais OTR, com capacidade de carga aumentada em 16% devido à sua capacidade de suportar altas pressões de ar. Além disso, o RL-5K se destaca por sua banda de rodagem profunda e mais durável de 250 níveis, garantindo resistência a cortes e excelente tração em condições de terreno severas.

Com uma construção mais robusta, que inclui uma carcaça radial reforçada, o pneu também oferece recursos como uma profundidade de piso extraprofunda, um padrão de piso multidirecional e a tecnologia Hi-Stability para maior estabilidade e desempenho uniforme.

Loic Ravasio, da Goodyear, enfatizou a importância desta inovação em atender às necessidades do mercado por carregadeiras de rodas maiores e mais novas. O RL-5K é a adição mais recente ao portfólio OTR da Goodyear, reforçando o compromisso da empresa com a entrega de soluções completas de mobilidade por meio de produtos confiáveis, serviços de qualidade e soluções de gerenciamento de pneus.

Nos liga no LinkedIn!

Marcos Villela Hochreiter
Marcos Villela Hochreiterhttps://www.frotanews.com.br
Sou jornalista no setor da mobilidade desde 1988, com atuações em jornais, nas áreas de comunicação da Fiat e da TV Globo, como editor da revista Transporte Mundial entre 2002 e maio de 2023, e com experiência em cobertura na área de transporte no Brasil e em cerca de 30 países. Representante do Brasil como membro associado do ITOY (International Truck of the Year), para troca de experiências e conteúdos jornalísticos. Mais, recente começou como colaborador do corpo docente na Fabet (entidade educacional sem fins lucrativos).
- Publicidade -
Últimas notícias
você pode gostar:

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui