sábado, maio 25, 2024

AMBEV E DHL TESTAM FURGÃO 100% ELÉTRICO FORD E-TRANSIT ANTES DO LANÇAMENTO

Tanto o mercado brasileiro como o argentino vão ter, em breve, a opção 100% elétrica do furgão Ford E-Transit. O modelo foi apresentado na última Fenatran, em outubro de 2022.

A Ford Argentina já iniciou o programa piloto com o E-Transit em parceria com empresas líderes em logística urbana, como Ambev e DHL.

DHL comprou 45 unidades nos EUA

A DHL, fornecedora líder mundial de serviços de remessa expressa internacional, está lançando 45 novas vans Ford E-Transit em Palo Alto, Califórnia, como parte do compromisso geral da empresa de atingir suas ambiciosas metas de sustentabilidade. Até 2030, a empresa planeja operar 60% de seus veículos nos EUA com eletricidade e reduzir todas as emissões relacionadas à logística para zero líquido até 2050.

Ouvir o cliente antes de lançar

O objetivo da marca é de que os usuários reais possam experimentar os benefícios dos veículos comerciais elétricos no seu dia a dia, ajudando assim a melhorar a experiência do usuário, antes do lançamento do veículo no mercado. No Brasil, o E-Transit deve ser lançado entre o final deste ano e o início do próximo. Na Argentina, a Ford confirmou que o lançamento será ainda neste ano. 

O E-Transit é um dos três lançamentos de veículos eletrificados anunciados pela Ford Argentina para este ano, sendo a eletrificação de seu portfólio um dos pilares do plano global para alcançar a neutralidade carbônica até 2050. 

Como parte deste programa, a Ford Argentina está analisando as experiências dos clientes comerciais que aderiram a este piloto, e todos os resultados obtidos em termos de operação do veículo — considerando diferentes condições de uso —, tipos de rotas percorridas (urbanas ou intermunicipais), distância percorrida, tipos de carga, autonomia da bateria e adaptação dos condutores a um veículo comercial 100% elétrico com o objetivo de desenhar processos e serviços que proporcionem uma experiência de utilização e produtividade que os clientes deste tipo de veículos esperam e precisa. 

As empresas que não possuíam infraestrutura própria de recarga também receberam assessoria técnica da Ford para adaptar suas instalações.

Para esta experiência, a Ford Argentina está trabalhando em conjunto com diferentes empresas líderes em seus respectivos setores, como subsidiária da Ambev, a cervejaria Quilmes, e DHL, entre outras.

Ford E Transit

Nos últimos anos, o negócio de veículos comerciais tem crescido constantemente. De acordo com estudos recentes realizados nos Estados Unidos, uma alta porcentagem de gerentes de frota planeja mudar toda a sua frota para a tecnologia elétrica nos próximos 2 anos.

Desde o seu lançamento nos Estados Unidos e na Europa, o E-Transit se tornou um best-seller. No principal mercado norte-americano, conseguiu atingir uma quota de mercado superior a 70% entre os furgões elétricos e foi recentemente escolhida pelo Serviço Postal dos Estados Unidos (USPS) para se encarregar da eletrificação da sua frota, com a compra de mais de 9.000 E-Transit.

Entre as características mais destacadas deste produto está a autonomia da bateria elétrica — que possui um software inteligente que fornece uma estimativa da distância que pode percorrer sem recarregar — com uma autonomia estimada entre 240 e 260 km. Além disso, mantém a mesma capacidade de carga volumétrica da versão com motor Diesel.

Saiba mais: TRÊS FURGÕES ELÉTRICOS PARA ÚLTIMA MILHA: RENAULT EZ, FORD E-TRANSIT COURIER E AMAZON RIVIAN

Estratégia de eletrificação da Ford

A eletrificação do portfólio de veículos da Ford é um elemento-chave na estratégia para atingir a neutralidade de carbono até 2050. Para apoiar esse plano, a Ford está investindo US$ 50 bilhões entre 2022 e 2026 para o desenvolvimento de novos produtos, tecnologias de baterias, aumento da capacidade de fabricação de veículos e baterias e verticalizar a cadeia de suprimentos de insumos críticos.

Adicionalmente, a montadora fechou diversos acordos para garantir o abastecimento de insumos críticos, tendo já garantido os insumos para poder cumprir 100% da meta de 600.000 unidades por ano em 2023 e 70% da meta de 2026.

O programa piloto E-Transit, como prelúdio para o seu lançamento na Argentina e no Brasil, está alinhado com esta estratégia global e reforça o compromisso de oferecer aos seus clientes na América do Sul os últimos modelos da marca e, ao mesmo tempo, ter um impacto positivo na sociedade e no meio ambiente.

Autor

Ford E-Transit
Jornalista Marcos Villela (MTB 6.458/MG) atua no setor da mobilidade de cargas e pessoas desde 1989 e é sócio-fundador da plataforma de informações e consultoria Frota News. Já atuou em editorias de veículos de jornais, nas áreas de comunicação da Fiat e da TV Globo, foi editor da revista Transporte Mundial por 21 anos, diretor de redação do núcleo de revistas da filial brasileira do grupo alemão de revistas especializadas Motorpresse, e conta ampla experiência em cobertura na área de transporte no Brasil e em diversos países. É o representante do Brasil, como membro associado, na entidade internacional sem fins lucrativos ITOY (International Truck of the Year). Ela reúne jornalistas técnicos em transporte dos 34 maiores mercados do mundo para troca de experiências, conhecimento e conteúdos jornalísticos.
Marcos Villela Hochreiter
Marcos Villela Hochreiterhttps://www.frotanews.com.br
Sou jornalista no setor da mobilidade desde 1988, com atuações em jornais, nas áreas de comunicação da Fiat e da TV Globo, como editor da revista Transporte Mundial entre 2002 e maio de 2023, e com experiência em cobertura na área de transporte no Brasil e em cerca de 30 países. Representante do Brasil como membro associado do ITOY (International Truck of the Year), para troca de experiências e conteúdos jornalísticos. Mais, recente começou como colaborador do corpo docente na Fabet (entidade educacional sem fins lucrativos).
- Publicidade -
Últimas notícias
você pode gostar:

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui