domingo, maio 19, 2024

ALGUMA EMPRESA DE TELEMETRIA ESTÁ FAZENDO O QUE A RIO ESTÁ?

Como em todas as famílias nas quais sempre haverá um filho mais tímido e rejeitado. O mesmo ocorre em grupos empresariais. O TRATON Group possui cinco marcas: MAN Truck & Bus, Navistar, Scania, Volkswagen Caminhões e Ônibus, e? RIO.

O nome RIO não tem nada a ver com o Rio de Janeiro, mas tem a ver com a analogia da fluidez dos rios, como o Rio Amazonas.

De uma forma simples, a RIO é uma empresa do TRATON Group para dar fluidez aos dados da gestão de frota, como uma rede inteligente de operações das transportadoras e empresas de logística. Oferece telemetria e muito mais do que só telemetria. É complexo e simples ao mesmo tempo.

Como o RIO é tímido, encontrei uma operação com a Schmitz Cargobull, uma fabricante alemã de implementos rodoviários, para exemplificar como o RIO é útil.

A Schmitz Cargobull não está presente no Brasil e nem tem planos para abrir fábrica por aqui. Mas, a RIO está, mesmo que a maioria das pessoas não saibam.

Nos siga no LinkedIn!

Entendo a RIO no Brasil

A Volkswagen Caminhões e Ônibus (VWCO) oferece os serviços da RIO nos veículos dela. Porém, quando a RIO começou a ser oferecida no Brasil, os frotistas já utilizavam serviços de centenas de empresas que oferecem serviços similares, tendo a telemetria como serviço principal.

A VWCO faz um esforço enorme para que os clientes comprem os caminhões dela com os serviços da RIO. Porém, o artigo 39º do Código de Defesa do Consumidor é rigoroso com empresas que fazem vendas casadas.

O cliente que compra um caminhão VW não é obrigado a comprar os serviços da RIO sem precisar. O cliente precisa ser convencido que os serviços são melhores do que ele tem e das centenas de outras empresas que atuam no mercado de telemetria.

Na prática, a VWCO oferece um pacote básico gratuitamente para quem compra um caminhão ou ônibus VW. Por ser gratuito, desconfigura a venda casada e passa a ser legal.

Agora, vamos entender, como a RIO na Europa está encontrando caminhos inteligentes para ser uma empresa com serviços além da telemetria como conhecemos.

Leia mais sobre implementos rodoviários!

Parceria Inovadora

Na vanguarda da transformação digital, a Schmitz Cargobull e a RIO uniram forças para criar uma parceria inovadora.

A colaboração visa desenvolver novas comunicações digitais entre reboques e cavalos mecânicos.

Por meio da integração com a RIO, os dados dos reboques Schmitz Cargobull são enviados para o portal da empresa, enquanto os dados telemáticos dos caminhões fluem por meio da conectividade com o TrailerConnect Data Management Center.

“Despachantes e gerentes de frota agora podem acessar, em tempo real e em um único lugar, dados abrangentes de caminhões e reboques. Isso simplifica agendamentos e a coordenação de chamadas de serviço”, afirma Matthias Cordes, chefe de telemática de gerenciamento de produtos.

Menos complexo do que parece

A integração não exige hardware adicional, fornecendo uma visão clara e detalhada dos principais dados de caminhões e semirreboques em uma plataforma única.

As informações da empresa digital e Schmitz Cargobull Trailer são exibidas em tempo real, incluindo insights abrangentes sobre a frota e mapas.

“Esta interface entre RIO e Schmitz Cargobull TrailerConnect é um passo crucial para simplificar os processos logísticos, rompendo com os vazios de dados do passado”, afirma, certamente, Jan Kaumanns, CEO do RIO.

Num piscar de olhos, assim, os gerentes de frota têm acesso centralizado aos dados telemáticos de caminhões e semirreboques no portal TrailerConnect. Isso otimiza o despacho, a roteirização, ademais, e o gerenciamento de horários, elevando a eficiência da frota e reduzindo custos operacionais.

 Os dados combinados, enfim, também aprimoram a gestão de manutenção, com alertas em tempo real para planejamento de reparos e redução de tempos de inatividade.

Por fim, ao oferecer dados telemáticos de reboques, a Schmitz Cargobull impulsiona a transformação digital da indústria, criando uma base sólida para controle otimizado de logística integrada e eficiência com baixo custo total de propriedade (TCO).

Marcos Villela Hochreiter
Marcos Villela Hochreiterhttps://www.frotanews.com.br
Sou jornalista no setor da mobilidade desde 1988, com atuações em jornais, nas áreas de comunicação da Fiat e da TV Globo, como editor da revista Transporte Mundial entre 2002 e maio de 2023, e com experiência em cobertura na área de transporte no Brasil e em cerca de 30 países. Representante do Brasil como membro associado do ITOY (International Truck of the Year), para troca de experiências e conteúdos jornalísticos. Mais, recente começou como colaborador do corpo docente na Fabet (entidade educacional sem fins lucrativos).
- Publicidade -
Últimas notícias
você pode gostar:

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui