domingo, maio 19, 2024

TRATON apresenta melhor desempenho nos nove meses de 2023 e eleva previsão

O Grupo TRATON, que reúne as marcas Volkswagen Caminhões e Ônibus, Scania, MAN Truck & Bus, Navistar e RIO, anunciou ontem, quarta-feira (25), que teve um forte desempenho nos primeiros nove meses de 2023.

O grupo registrou aumentos nas vendas unitárias, receita de vendas, resultado operacional e retorno operacional sobre vendas. A empresa também elevou sua previsão para o ano inteiro de 2023, esperando um crescimento de cerca de 20% na receita de vendas e um retorno operacional sobre vendas entre 7% e 8%.

Leia também:

Fetranslog 2023: a maior feira de logística do Sul do Brasil

Volumes globais

De janeiro a setembro de 2023, o GRUPO TRATON vendeu 249.500 veículos, um aumento de 15% em relação ao mesmo período do ano anterior (217.100 veículos).

A melhora na situação de abastecimento de componentes pelos fornecedores permitiu maiores volumes de produção, especialmente no terceiro trimestre.

A receita de vendas cresceu 20% para 34,2 bilhões de euros (9M 2022: 28,5 bilhões de euros), impulsionada pelo aumento no negócio de veículos novos nas marcas do grupo. A empresa também se beneficiou de um mix positivo de mercado e de produtos, de uma melhor realização de preços unitários e de um aumento no negócio de serviços automotivos.

A holding atribuiu a melhoria à maior utilização da capacidade de produção, ao aumento nas entregas de veículos e à redução dos custos fixos na área de negócios de Operações TRATON. O grupo também conseguiu compensar os preços significativamente mais elevados da energia, das matérias-primas e de outros componentes adquiridos.

Leia também:

Rodosafra: 10 anos de crescimento em transporte com perspectivas positivas

Principais mercados

No entanto, o TRATON também enfrentou alguns desafios nos primeiros nove meses do ano.

Na Europa, em particular, a incerteza em relação ao desenvolvimento econômico e um ambiente de financiamento mais difícil levaram à normalização da procura. Certamente, aceitação de novos pedidos na América do Norte permaneceu restritiva devido à grande carteira de pedidos.

A introdução anterior de novas regulamentações de emissões no Brasil, por certo, desacelerou a demanda dos clientes. Portanto, significou que os pedidos recebidos do GRUPO TRATON diminuíram 26% para 189.600 veículos (9M 2022: 256.200 veículos) de janeiro até o final de setembro. Ademais, o índice book-to-bill, ou o índice entre pedidos recebidos e vendas unitárias, foi de 0,8 (9 meses de 2022: 1,2). Além disso, significou que as vendas unitárias eram maiores do que os pedidos recebidos. Embora a carteira de pedidos tenha diminuído, ela permanece em um nível muito elevado.

Os números das marcas de veículos no Brasil

Caminhões 2023 2022 Diferença
VWCO 19.963 26.402 -24,4%
Scania 8.240 8.832 -6,7%
Total de caminhões 28.203

 

35.234

 

-20,0%
Ônibus 2023 2022 Diferença
VWCO 3.713 3.338 11,2%
Scania 275 182 51,1%
Total de ônibus 3.988 3.520 13,3%
Comercial leve 2023 2022 Diferença
VW Delivery Express 1.394 1.740 -19,9%
Total Grupo TRATON no Brasil 33.585 40.494 -17,1%
Participação brasileira nas vendas globais do grupo 13,5% 18,6%

 

Traston
Os números globais por unidade de negócio

Nos siga no LinkedIn!

Marcos Villela Hochreiter
Marcos Villela Hochreiterhttps://www.frotanews.com.br
Sou jornalista no setor da mobilidade desde 1988, com atuações em jornais, nas áreas de comunicação da Fiat e da TV Globo, como editor da revista Transporte Mundial entre 2002 e maio de 2023, e com experiência em cobertura na área de transporte no Brasil e em cerca de 30 países. Representante do Brasil como membro associado do ITOY (International Truck of the Year), para troca de experiências e conteúdos jornalísticos. Mais, recente começou como colaborador do corpo docente na Fabet (entidade educacional sem fins lucrativos).
- Publicidade -
Últimas notícias
você pode gostar:

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui